Rua Bela Cintra, 746 - cj 111/112 - Consolação - SP
Seg - Sex : 09:00 - 18:00

All Posts

Conjur: “Tratamento diferenciado entre cônjuges e companheiros para fins sucessórios” – por Vanessa Miranda Gandra

Conjur: “Tratamento diferenciado entre cônjuges e companheiros para fins sucessórios” – por Vanessa Miranda Gandra

A Constituição de 1988 é um marco no que tange as relações de família, uma vez que, diferentemente de todas as Constituições brasileiras anteriores, que dispunham que a família legitima se constituía apenas pelo casamento entre homem e mulher, a Constituição de 1988 privilegiou um conceito de família formada por laços afetivos.   Três entidades familiares passaram a contar com…

TRF1: Desnecessária a coabitação em comprovação de união estável para receber pensão por morte

TRF1: Desnecessária a coabitação em comprovação de união estável para receber pensão por morte

A 2ª Turma do TRF1 mantém sentença que julgou improcedente o pedido de percepção integral da pensão por morte ao filho que não comprovou a inexistência da relação entre o pai e uma mulher, considerada também como dependente.   O caso chegou ao TRF1 após o requerente, inconformado com a decisão da primeira instância, apresentar recurso ao Tribunal insistindo pelo…

iRegistradores: “A incidência de ISS na atividade notarial e registral e a incidência da base de cálculo do ISS no município de São Paulo: considerações sobre a Lei Municipal 13.331/2002” – por Caio Marco Bartine Nascimento

iRegistradores: “A incidência de ISS na atividade notarial e registral e a incidência da base de cálculo do ISS no município de São Paulo: considerações sobre a Lei Municipal 13.331/2002” – por Caio Marco Bartine Nascimento

O Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) tem sua previsão no art. 156, III, da CF, sendo um imposto ordinário de competência municipal e distrital.   Segundo o próprio dispositivo constitucional acima, o campo material de incidência do ISS é condicionado ao fato de não estarem os serviços compreendidos na materialidade do ICMS – como ocorre nos serviços de…

STJ: Mesmo sem registro público, contratos de união estável podem discutir regime patrimonial

STJ: Mesmo sem registro público, contratos de união estável podem discutir regime patrimonial

Cumpridos os requisitos de legitimidade do negócio jurídico, são válidos, ainda que sem registro público, os contratos de convivência que dispõem sobre o regime de união estável e regulam relações patrimoniais, inclusive aqueles que se assemelham ao regime de comunhão universal de bens.   O entendimento foi formado pela Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para acolher recurso…

Conjur: “Tratamento diferenciado entre cônjuges e companheiros para fins sucessórios” – por Vanessa Miranda Gandra

Conjur: “Tratamento diferenciado entre cônjuges e companheiros para fins sucessórios” – por Vanessa Miranda Gandra

A Constituição de 1988 é um marco no que tange as relações de família, uma vez que, diferentemente de todas as Constituições brasileiras anteriores, que dispunham que a família legitima se constituía apenas pelo casamento entre homem e mulher, a Constituição de 1988 privilegiou um conceito de família formada por laços afetivos.   Três entidades familiares passaram a contar com…

TRF1: Desnecessária a coabitação em comprovação de união estável para receber pensão por morte

TRF1: Desnecessária a coabitação em comprovação de união estável para receber pensão por morte

A 2ª Turma do TRF1 mantém sentença que julgou improcedente o pedido de percepção integral da pensão por morte ao filho que não comprovou a inexistência da relação entre o pai e uma mulher, considerada também como dependente.   O caso chegou ao TRF1 após o requerente, inconformado com a decisão da primeira instância, apresentar recurso ao Tribunal insistindo pelo…

iRegistradores: “A incidência de ISS na atividade notarial e registral e a incidência da base de cálculo do ISS no município de São Paulo: considerações sobre a Lei Municipal 13.331/2002” – por Caio Marco Bartine Nascimento

iRegistradores: “A incidência de ISS na atividade notarial e registral e a incidência da base de cálculo do ISS no município de São Paulo: considerações sobre a Lei Municipal 13.331/2002” – por Caio Marco Bartine Nascimento

O Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) tem sua previsão no art. 156, III, da CF, sendo um imposto ordinário de competência municipal e distrital.   Segundo o próprio dispositivo constitucional acima, o campo material de incidência do ISS é condicionado ao fato de não estarem os serviços compreendidos na materialidade do ICMS – como ocorre nos serviços de…

STJ: Mesmo sem registro público, contratos de união estável podem discutir regime patrimonial

STJ: Mesmo sem registro público, contratos de união estável podem discutir regime patrimonial

Cumpridos os requisitos de legitimidade do negócio jurídico, são válidos, ainda que sem registro público, os contratos de convivência que dispõem sobre o regime de união estável e regulam relações patrimoniais, inclusive aqueles que se assemelham ao regime de comunhão universal de bens.   O entendimento foi formado pela Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para acolher recurso…

Conjur: TRF-4 anula sentença que se baseou em lei errada para decidir sobre pensão

Conjur: TRF-4 anula sentença que se baseou em lei errada para decidir sobre pensão

Sentença que traz fundamentação diversa daquela que seria aplicável pela legislação pertinente é nula, pois atenta contra o princípio da motivação das decisões judiciais. A exigência está expressa no artigo 93, inciso IX, da Constituição, e no artigo 489, inciso II, do Novo Código de Processo Civil (Lei 13.105/2015).   Por conta desse equívoco de fundamentação, a 4ª Turma do…

A prática notarial na Turquia: sinônimo de segurança jurídica

A prática notarial na Turquia: sinônimo de segurança jurídica

Na Turquia, os notários são considerados uma parte indispensável da Justiça, auxiliando no cumprimento das leis e no aconselhamento à população. Uma reforma judiciária em andamento no País prevê o desenvolvimento de um sistema de exame de admissão para exercer a profissão.   Confira a entrevista de Yunus Tutar, presidente da União dos Notários da Turquia.   CNB/CF – Como…

CNB/SP lança a TV Cartório 2

CNB/SP lança a TV Cartório 2

Para começar o ano com o pé direito, o Colégio Notarial do Brasil – Seção São Paulo (CNB/SP) disponibiliza para seus associados, a 2ª edição da TV Cartório. Nesta fase são mais nove vídeos, que apresentam de forma interativa, moderna e direta, os serviços que os cartórios de notas podem oferecer ao cidadão.   Nesta segunda edição são tratados os…