Thomas Nosch palestrou sobre o tema a integrantes da OAB de Santo André

 

O 1° tabelião de notas de Santo André, Thomas Nosch, ministrou uma palestra , na noite do dia 7 de dezembro, sobre o poder dos cartórios na desburocratização e na eficiência econômica de um município. O evento foi realizado na sede da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Santo André e engloba a primeira ação do OABQualifica, um programa que visa a qualificação de advogados da região.

 

Os cartórios extrajudiciais ou tabelionatos de notas têm função de garantir autenticidade e segurança para a população quando recorrem a atos jurídicos, como por exemplo, lavrar escrituras de imóveis, reconhecer firmas e autenticação de documentos.

 

Para Nosch, os tabelionatos tem o dever de garantir os direitos a vida da população. “A aproximação do direito notarial com a municipalidade é essencial. É momento do notariado andreense crescer, demonstrar nossa capacidade. Não temos que ir para outra cidade lavrar escritura, as outras cidades tem que vir lavrar aqui”, disse.

 

“Os cartórios estão presentes em 91 países, não é coisa do passado. Os cartórios são os melhores e mais eficientes serviços de arrecadação tributária, exercidos para caráter privado. Por isso, temos que melhorar o serviço”, afirmou o especialista. Durante a aula, Nosch mostrou que os cartórios de notas do Brasil arrecadaram cerca de R$ 62 bilhões para os cofres públicos no ano passado.

 

O Secretário de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, Evandro Banzato, também marcou presença no evento. “Os cartórios são fundamentais para exercer a segurança jurídica para a principal compra de uma pessoa, um imóvel. Com isso, o município arrecada tributos que englobam os cofres públicos para ofertar em outras demandas”, comentou.

 

Fonte: Diário do Grande ABC

Deixe uma resposta